Skip to content

Faraó Mentuhotep

Mentuhotep (2060-2010 a.C.) foi um faraó de importância capital, não obstante tanto a sua pessoa como os seus feitos terem dado lugar a uma bibliografia tão extensa como contraditória. O seu nome de Hórus foi Seankhibtaui («aquele que faz viver o coração das Duas Terras») que conservou durante os primeiros catorze anos do seu reinado.

Até esta data foi efetuada uma tentativa por parte dos aliados de Heracleópolis para reconquistarem a cidade de Tinis, o que originou o regresso das hostilidades, encontrando-se o faraó a comandar as operações, talvez sob a designação de Neterihedjet, tendo a ofensiva culminado com a conquista da própria capital do norte. Mas antes já tinha realizado um intenso trabalho político consolidando as fronteiras, enviando expedições militares à Baixa Núbia, aos oásis líbios e contra os asiáticos do leste.

A biografia de um soldado núbio que serviu sob as ordens de Mentuhotep documenta a guerra no Faium, as operações de limpeza no Delta e, por outras fontes, sabe-se que o faraó realizou expedições ao oásis de Dakhla para ir buscar «refugiados políticos». A última fase do seu governo foi feita sob o nome de Semataui («aquele que une as duas terras»).

Trackbacks

Nenhuns Trackbacks

Comentários

Exibir comentários como Sequencial | Discussão

Nenhum comentário

Adicionar Comentários

Les adresses Email ne sont pas affichées, et sont seulement utilisées pour la communication.

Para evitar o spam por robots automatizados (spambots), agradecemos que introduza os caracteres que vê abaixo no campo de formulário para esse efeito. Certifique-se que o seu navegador gere e aceita cookies, caso contrário o seu comentário não poderá ser registado.
CAPTCHA

Form options