Skip to content

Gaston Menier e o caminho de ferro à mesa

Cerca de 1880, em casa do francês Gaston Menier, as refeições decorriam num ambiente bizarro e invulgar. Os pratos eram diretamente transportados da cozinha para a mesa num caminho de ferro elétrico, cujas carruagens, controladas pelo próprio anfitrião, deslizavam numa linha provida de quatro carris.

Não eram necessários criados, nem os convidados precisavam de passar os pratos de uns para os outros. O comboio podia transportar um total de quase 25 kg de alimentos a uma velocidade de 3 km/h. Segundo afirmava um conviva dos Menier, a refeição ganhava «uma vivacidade e uma intimidade muito especiais».

Trackbacks

Nenhuns Trackbacks

Comentários

Exibir comentários como Sequencial | Discussão

Nenhum comentário

Adicionar Comentários

Les adresses Email ne sont pas affichées, et sont seulement utilisées pour la communication.

Para evitar o spam por robots automatizados (spambots), agradecemos que introduza os caracteres que vê abaixo no campo de formulário para esse efeito. Certifique-se que o seu navegador gere e aceita cookies, caso contrário o seu comentário não poderá ser registado.
CAPTCHA

Form options