Skip to content

Manuel Alegre

Um dos filhos mais ilustres e destacados de Águeda é Manuel Alegre, poeta e político. Estudou no Porto e em Coimbra, tendo, desde cedo, manifestado a sua apetência para as questões políticas.

Ainda nos bancos da Universidade de Coimbra foi membro da Comissão da Academia que apoiou a candidatura do general Humberto Delgado. Membro do Partido Socialista, depois do 25 de Abril foi chamado a ocupar diversos cargos políticos, tendo feito parte de alguns elencos governativos.

Na escrita, adquiriu notariedade com obras como O Canto e as Armas (1967), Jornada de África (1989, romance), O Homem do País Azul (1989, contos), Alma (1995, romance) e Obra Poética (1999).

Trackbacks

Nenhuns Trackbacks

Comentários

Exibir comentários como Sequencial | Discussão

Nenhum comentário

Adicionar Comentários

Les adresses Email ne sont pas affichées, et sont seulement utilisées pour la communication.

Para evitar o spam por robots automatizados (spambots), agradecemos que introduza os caracteres que vê abaixo no campo de formulário para esse efeito. Certifique-se que o seu navegador gere e aceita cookies, caso contrário o seu comentário não poderá ser registado.
CAPTCHA

Form options