Rejeição de um Prémio Nobel

Nem todos consideram um Prémio Nobel como uma honra. Em 1958, Boris Pasternak foi forçado pelas autoridades soviéticas a recusar o prémio da literatura.

Opuseram-se de novo quando foi oferecido a Alexandr Soljenitsine em 1970. Ele aceitou – e quatro anos depois foi exilado da União Soviética.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *