Skip to content

Um susto súbito cura os soluços?

Têm sido propostos milhares de remédios para os soluços, todos defendidos por adeptos entusiastas. Alguns parecem resultar, outros não. As investigações realizadas sobre casos conhecidos indicaram que, se o paciente crê firmemente na eficácia de um tratamento determinado, na maior parte dos casos este resulta de facto, razão por que os médicos concluíram que a cura é, pelo menos em parte, psicológica.

Generalizou-se a crença de que um susto põe termo a um ataque de soluços; os médicos, porém, advertem de que o susto causa mais frequentemente a morte do que os soluços. Consequentemente, neste caso, «a cura é pior do que a doença».

O norte-americano Jack O'Leary calculou que, entre 1948 e 1956, teve 160 milhões de soluços: tentou 60 000 remédios, que se revelaram todos inúteis. Finalmente, em desespero de causa, rezou a São Judas Tadeu, patrono das causas perdidas. Os soluços passaram completamente.

Outra vítima foi Heinz Isecke, um canalizador de Hanôver, de 55 anos, que teve soluços durante oito meses, depois de ter sofrido uma intervenção cirúrgica em novembro de 1973. Recebeu sugestões de todas as partes do mundo. Tentou-as todas, sem êxito. Alarmados com o seu enfraquecimento, os médicos operaram-no de novo, mas os soluços continuaram.

Finalmente, desesperado, Heinz bebeu uma mistura de ervas «secreta» enviada por um anónimo. Ao fim desse mesmo dia, os soluços tinham acabado. Curou-o a mistura ou a fé que nela depositara? Até agora, ninguém sabe dizê-lo.

Trackbacks

Nenhuns Trackbacks

Comentários

Exibir comentários como Sequencial | Discussão

Nenhum comentário

Adicionar Comentários

Les adresses Email ne sont pas affichées, et sont seulement utilisées pour la communication.

Para evitar o spam por robots automatizados (spambots), agradecemos que introduza os caracteres que vê abaixo no campo de formulário para esse efeito. Certifique-se que o seu navegador gere e aceita cookies, caso contrário o seu comentário não poderá ser registado.
CAPTCHA

Form options